Publicidade

A Loja Social da Câmara Municipal de Portalegre promoveu uma vez mais a entrega de cabazes, que se realizou no dia 21 de Dezembro, com a finalidade de «proporcionar uma época natalícia mais calorosa e feliz» às famílias mais vulneráveis do concelho.

Os cabazes são compostos por géneros alimentares de primeira necessidade, também associados à época natalícia, tais como o peru, bacalhau, bolo-rei, açúcar, farinha, massa grossa e massa miúda, leite, cereais, bolachas, atum, salsichas, grão, esparguete, azeite e óleo, sumo, vinho, queijo, enchidos, fruta em lata, bombons, marmelada, compota, ovos, pudins e presentes para as crianças, na tentativa de tornar esta quadra mais feliz.

«Numa altura especial em que valores como esperança e solidariedade assumem um significado mais profundo, a Câmara agradece as doações de várias instituições e particulares que proporcionaram um Natal um pouco mais alegre e acolhedor a 82 famílias», lê-se num comunicado.

A iniciativa contou com o apoio da União de Freguesias da Sé e S. Lourenço, Junta de Freguesia de Alegrete, Junta de Freguesia da Urra,  União Freguesias Reguengo e S. Julião e  União Freguesias Ribeira de Nisa e Carreiras, bem como várias entidades do sector privado como a  Adega de Portalegre Winery – APW, Lda, a  Salsicharia Leitão, Diterra – Comércio Agro-Industrial, Lda.; Supermercado Continente, Pingo Doce, Intermarché de Portalegre, Queijos Leitão, Terra Alegre Lacticínios, S.A, Grupo JCasado Cosméticos, Lda. e Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre.

Também a companhia de seguros Fidelidade também se associou a esta iniciativa e ofereceu mais 25 cabazes que irão ser distribuídos por outras famílias também sinalizadas.