Um foco de COVID-19 detectado no concelho de Portalegre já infectou mais de uma dezena de pessoas e obrigou a uma campanha de testagem massiva com mais de uma centena de pessoas testadas até ao momento.

Segundo apurou o nosso jornal junto de fonte oficial, há indícios de que o foco terá tido origem numa comunidade religiosa existente no concelho.  

Para já, a grande maioria dos casos são da freguesia de Urra, havendo casos positivos a registar na sala do pré-escolar do Centro de Bem-Estar Social de Urra, com pelo menos duas crianças infectadas e também uma auxiliar. Há também uma funcionária do lar que testou positivo.  

A cadeia de transmissão, com contactos directos, inclui também turmas da Escola Secundária de S. Lourenço e da Escola José Régio, que já foram testadas, e ainda uma creche localizada no Crato.

No boletim desta quinta-feira, dia 10, da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejo (ULSNA), o concelho de Portalegre registava um total de 13 casos activos, sendo que nas últimas 48h foram registados um total de oito novos casos.

Pub