PUB

Com sol, mas com os pisos dos 16 quilómetros de perímetro do Terródromo de Fronteira bastante enlameados, o primeiro dia competitivo da mais famosa prova de todo terreno de resistência da Europa foi marcado pelo espectáculo proporcionado pelos mais de 300 pilotos de diferentes nacionalidades.

A edição de 2022 da BP Ultimate 24 Horas TT Vila de Fronteira terá a equipa de Alexandre Andrade (A.C. Nissan Proto) na pole-position para a corrida de amanhã, que terá início às 14h, enquanto Luís Cidade (Can-Am) parte na frente nas 4 Horas SSV, prova que marca o regresso de Miguel Oliveira à clássica do ACP.

Recordista de vitórias na mais famosa prova de TT de Resistência da Europa, a equipa de Alexandre Andrade apresentou, esta sexta-feira, a candidatura a um nono triunfo na BP Ultimate 24 Horas TT de Fronteira. O piloto luso-francês, filho de Mário Andrade, conhecido entusiasta da prova do ACP, volta a ser acompanhado por Cédric Duplé, Yann Morize e Florent Charvot, ao volante do A.C. Nissan Proto. A equipa de Alexandre Andrade conseguiu uma volta em 9m23,401s ao circuito de 16,4 quilómetros, menos 10,8s do que a segunda equipa mais rápida, a do ex-campeão nacional Tiago Reis, que partilha uma Toyota Hilux com Avelino Reis, Edgar Reis e Daniel Silva.

O terceiro lugar nos treinos cronometrados ficou para a equipa de Franck Cuisinier, cujo MMP também será pilotado por Laurent Poletti, Ronald Basso e Adrien Favarel, logo seguidos pelo melhor concorrente do grupo T3 (SSV), o Can-Am de Sébastien Guyette, Antoine Vitse, Olivier Devos e Marco Pereira.

Como é hábito, a maratona de Fronteira terá início às 14h00 deste sábado.

Luís Cidade começa na frente nos SSV

Na BP Ultimate 4 Horas SSV Vila de Fronteira, Luís Cidade (Can-Am) terminou os treinos cronometrados no topo da tabela de tempos, com o piloto de Matosinhos a largar amanhã, às 08h00, na frente de um pelotão de 45 concorrentes.

Vencedor da edição de 2019, Luís Cidade – que também vai participar na prova de 24 Horas – conseguiu um tempo de 9m31,251s, deixando João Monteiro (Can-Am) a 5,073s. Pedro Santinho Mendes (Can-Am) foi o terceiro mais rápido, a 16,9s do autor da pole-position, enquanto Miguel Oliveira regressou oficialmente a Fronteira, cinco anos depois, conseguindo o 17.º tempo nos treinos cronometrados. O piloto da RNF Aprilia no MotoGP, que corre na clássica alentejana acompanhado pelo pai, teve alguns problemas no seu Can-Am durante os treinos livres, mas mostra-se motivado para a corrida de amanhã.

Transmissões em direto

As provas de 24 Horas e 4 Horas em Fronteira terão várias transmissões em ‘live streaming’ no sábado e domingo, nas páginas oficiais da prova e do Município de Fronteira no Facebook e Instagram. Consulte os horários das transmissões em direto:

Sábado 26 de novembro

7h45 às 10h00 – 4 Horas SSV

11h45 às 12h15 – 4 Horas SSV (minutos finais da prova e entrevistas aos pilotos)

12h15 às 13h15 – Saída das boxes 24 Horas TT / cerimónia pódio 4 Horas SSV

13h15 às 14h00 – Formação da grelha de partida 24 Horas TT

14h00 às 16h00 – 24 Horas TT

18h00 às 19h00 – 24 Horas TT

23h00 às 03h00 – 24 Horas TT

Domingo, 27 de novembro

12h00 às 15h00 – 24 Horas TT (duas últimas horas, chegada e cerimónia do pódio)

Pub