PUB

A GNR, através do Núcleo Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), deteve na segunda-feira, dia 4, no concelho de Fronteira, um homem de 52 anos por violência doméstica.

De acordo com a GNR, no âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares apuraram que o agressor «exercia coacção psicológica, ameaças e agressões» contra a vítima, sua companheira de 47 anos.

PUB

Durante a investigação foi ainda possível apurar que existiram «episódios de ameaças por parte do suspeito, tendo causado medo e inquietação na vítima», pelo que, após diligências policiais, foi dado cumprimento a um mandado de detenção.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Fronteira, onde lhe foram aplicadas as medidas de proibição total de contactos com a vítima, por qualquer meio, e proibição de se aproximar da residência e local de trabalho da mesma.

Pub