PUB

As comemorações dos 364 anos da Batalha das Linhas de Elvas decorrem ao longo de todo o mês de Janeiro, com diversas actividades previstas e em diversas vertentes.

Assim sendo, as iniciativas têm início esta sexta-feira, dia 13, com a abertura da exposição “Ensaio sobre a Alegria”, na Casa da Cultura de Elvas, e que fica patente ao público até dia 18 de Fevereiro.

Ao longo desta semana os serviços educativos do Forte da Graça, do Forte de Santa Luzia e da Arkus promovem, nas escolas do 1º Ciclo do concelho, a peça de teatro “A História da Batalha das Linhas de Elvas”.

O ponto alto das comemorações acontece, no feriado municipal, 14 de Janeiro, sábado, com o programa a ter início pelas 9.30 horas, com o hastear das bandeiras, nos Paços do Concelho, com a participação da Banda 14 de Janeiro.

Pelas 10 horas, no Museu de Arte Contemporânea de Elvas há uma visita guiada à exposição “Quem nos Salva?”, orientada pelos embaixadores do MACE.

Meia hora depois, no Sítio dos Murtais, decorre a romagem ao Padrão comemorativo da Batalha das Linhas de Elvas e cerimónia de Homenagem aos Mortos, e, pelas 10.30 horas, a romagem ao Túmulo do General André de Albuquerque Riba-Fria, no Convento de São Francisco. As cerimónias militares e militarizadas, na Praça da República, têm início pelas 11.30 horas, seguindo-se pelas 12 horas, o desfile das Forças em Parada, na Rua da Cadeia.

A abertura da exposição de Pedro Calapez e Rui Sanches – Obras da Colecção António Cachola, está agendada para as 15.30 horas, no Paiol de Nossa Senhora da Conceição, seguindo depois para a Cisterna e termina no Museu de Arqueologia e Etnografia de Elvas António Tomás Pires.

À tarde, na Igreja da Sé acontece um Te Deum de Acção de Graças, com a participação do Coro Beato Aleixo Delgado, a partir das 18 horas, e presidido pelo Arcebispo de Évora, D. Francisco Senra Coelho, culminando o programa comemorativo com o já tradicional Concerto da Orquestra Ligeira do Exército, no Cine-Teatro Municipal, pelas nove e meia da noite.

Neste dia é ainda assinalado o 145º aniversário do Centro Artístico Elvense, a partir das 15 horas, e o 68.º aniversário da Banda 14 de Janeiro, a partir das 19 horas, na sede da colectividade, na Rua Sá da Bandeira.

No domingo, dia 15, vai para a estrada mais uma edição da Corrida e Caminhada das Linhas de Elvas. A caminhada, na sua 17ª edição, parte do Padrão da Batalha das Linhas de Elvas, e tem chegada no Estádio Municipal de Atletismo, pelas 9 horas.

Uma hora depois tem início a 29.ª Corrida das Linhas de Elvas, também com partida do Padrão da Batalha das Linhas de Elvas e chegada ao Estádio Municipal de Atletismo.

No Museu de Arte Contemporânea de Elvas vai realizar-se uma actividade direccionada a famílias organizada pelos Embaixadores do MACE, pelas 11 horas.

O programa prossegue no dia 21 de Janeiro, sábado, pelas 21.30 horas, com a apresentação do álbum “Outra Avenida”, do artista elvense Pedro Zagalo, no Cine-Teatro Municipal de Elvas. Bilhetes à venda no Posto de Turismo e em Ticketline.pt

No dia 28, sábado, pelas 16 horas decorre, na Casa da Cultura, uma visita comentada à exposição patente ao público, sob o mote “Ensaio sobre a ALEGRIA”, por Elisabete Fiel, aberta ao público.

O programa comemorativo encerra neste dia, pelas 21.30 horas, no Cine-Teatro Municipal de Elvas, com a peça de teatro “Insónia”, com Fernando Mendes. Bilhetes à venda no Posto de Turismo e em Ticketline.pt

Pub