PUB

O advogado Mário Martins de Campos, que assumiu a defesa de Francisco António, detido em Dezembro pela Polícia Judiciária «pela presumível autoria de vários crimes de abuso sexual de crianças, aliciamento para fins sexuais e actos sexuais com adolescentes», de­pois da devida consulta do processo, depois de ter apresentado recurso para a Relação e após a devida autorização da Ordem dos Advogados, concede uma entrevista exclu­siva ao Alto Alentejo, que será publicada na próxima edição impressa do jornal que vai para as bancas amanhã, dia 19.

Nesta entrevista, o advogado explica o que se passa com este processo e as teias que tecem as malhas de uma enorme injustiça que está a ser feita a um deficiente, a um pobre, ao mais humilde dos humildes, mas que tem todo um Povo com ele.

PUB